IPM eletrônico

13/04/2018 19h29 - Atualizado em 13/04/18 19h29

O primeiro IPM tramita completamente digital no Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais, por meio do e-Proc. O inquérito teve início neste dia 13 de abril.

Inicialmente, o IPM tem visibilidade somente para membros do Ministério Público e para a própria corporação que o instaurou. Após a sua conclusão, o acesso é dado ao juízo competente.

Uma inovação é a possibilidade do Ministério Público acompanhar, em tempo real, o preparo do inquérito desde a sua instauração.

O e-Proc, sistema cedido pelo TRF-4, na Justiça Militar de Minas é resultado de convênio de cooperação firmado, com a PMMG e o CBMMG, para a tramitação eletrônica de inquéritos policiais militares, autos de prisão em flagrante e ações penais militares decorrentes.

 

Secom com as informações da Corregedoria da Justiça Militar.